15 49.0138 8.38624 1 0 4000 1 https://www.nitronews.com.br/blog 300 true
usabilidade-taxa-conversao-capa

Saiba como a usabilidade pode impactar na sua taxa de conversão

O marketing digital chama atenção para um mercado que está em constante processo de transição. A nova era tecnológica já não faz parte de uma geração específica, como a millenial, ela atende todas as faixas etárias. Isso não é novidade, e implementar isso no nosso dia a dia é uma necessidade.

A loja na esquina de casa ainda é uma realidade, a propaganda em carro de som também, mas o modo com que o mercado vai sendo adaptado para as plataformas digitais traz um debate importante: como o mercado vai se encaixar nessa nova realidade?

Os desafios que são impostos pela tecnologia são reconstruídos e transformados em praticidades. A vida moderna se constitui enquanto conectada. A vida muitas vezes se constrói através da internet, e principalmente, pelo celular.

Os aplicativos de relacionamento, as redes sociais, a loja de imóveis, a loja de móveis, o plano de saúde, o berço da criança e tudo de concreto que uma família precisa para ser construída pode ser encontrada na palma da mão.

Entendendo a importância da internet em nossas vidas, fica clara a necessidade de utilizarmos desse meio para expandirmos nossos horizontes mercadológicos. Ser empreendedor é ter coragem, perseverança, buscar conhecimento e se manter atualizado, portanto, investir em marketing digital é imprescindível.

Pensando nisso, neste artigo ensinaremos algumas técnicas para serem utilizadas no marketing digital, principalmente te ajudando a saber como a usabilidade e outros fatores podem impactar na sua taxa de conversão. Parece que estamos falando em outra língua? Leia o nosso artigo e saia fluente nesse “novo idioma”.

O que é usabilidade?

o-que-e-usabilidade

O primeiro passo para entendermos como essa estratégia pode ser efetiva para o seu negócio é entender do que ela se trata. A usabilidade consiste em uma qualidade de um sistema, qualidade essa que pode tornar algo mais funcional.

Ou seja, se você precisa utilizar um aplicativo de internet banking e esse aplicativo funciona normalmente e você consegue resolver o seu problema, esse aplicativo foi funcional, portanto, possui usabilidade por parte do cliente.

Logo, a usabilidade do seu produto ou serviço consiste em ser prático, seguro, fácil de entender e de lembrar e eficiente no uso. Esse conceito pode ser extremamente interessante para o seu negócio, pois, ele pode te fazer automatizar e simplificar alguns processos desnecessários que atrapalham o desempenho do consumidor.

Pensando em situações específicas: você cria um aplicativo para a sua loja, investe pesado em design e dispõe todos os seus produtos à venda, porém, o cliente leva um tempo para acessar o aplicativo e finalizar a compra. O que ocorreu foi que a usabilidade ficou comprometida em detrimento de outras coisas.

É claro que é importante considerar a experiência do usuário, ou seja, levar em conta o caráter emocional e qualitativo daquele acesso em seu aplicativo, mas isso não deve interferir no principal: a usabilidade.

Usabilidade e UX são a mesma coisa?

usabilidade-e-ux

Quando colocamos em foco a discussão usabilidade x experiência, somos levados a discutir se esses dois termos significam a mesma coisa. Em termos mais gerais, a usabilidade é comparada com a “user experience” (UX).

UX significa experiência do usuário. Esse conceito, mais abordado pelos designers, traz o lado sentimental acessado pelo consumidor. Ou seja, um produto ou serviço que é esteticamente agradável é um ponto positivo para a experiência do usuário.

A UX também quer dizer sobre as percepções e respostas dadas pelo usuário, o que evidencia mais as qualidades de algum serviço. Logo, a temporalidade do serviço ou produto de qualidade, é mais extensa do que aquele produto que ‘apenas funciona’.

Dito isso, se comparamos com os conceitos apresentados sobre a usabilidade, fica clara a diferença entre os dois. Eles podem se conversar, mas não são a mesma coisa. Se pudéssemos dividir em dois eixos, colocaríamos X como o eixo quantitativo, referente à usabilidade, e o eixo Y como o eixo qualitativo, referente à experiência do usuário.

Sob essa ótica é importante investir em designer e criar um ambiente agradável para os consumidores. Assim como investir na usabilidade de um produto. Aliar esses dois componentes é o início e o desenvolvimento correto de um negócio.

Apesar de parecer muito difícil de aliar esses dois componentes, é extremamente valoroso para a sua taxa de conversão. Assim como também pode ser de grande valia investir na usabilidade do produto, visto que alguns ramos optam mais pela funcionalidade, até porque se inserem em atividades e contextos mais práticos.

O que é taxa de conversão?

o-que-e-taxa-conversao

Para saber como a usabilidade pode impactar na sua taxa de conversão é preciso antes esclarecer do que se trata essa taxa.

Taxa de conversão significa a porcentagem de público que realiza a ação desejada por uma determinada estratégia de marketing. Essa taxa é representada em porcentagem, pois leva em consideração o número de compras, acessos ou inscrições, dividido pelo número total de alcance do e-mail marketing, e por fim, multiplicado por cem.

Calma, vamos desenhar: TC (Taxa de Conversão) % = Número de compras, acessos ou inscritos / Número de e-mails com sucesso na entrega x 100.

Essa taxa de conversão é uma métrica utilizada para medir a eficácia da estratégia utilizada. Pensando no e-mail marketing, sua taxa vai depender do direcionamento, ou seja, do CTA que você apresenta.

Por exemplo, você pode optar por direcionar o seu cliente para um produto específico ou pode optar por direcioná-lo para a rede social do seu negócio. Essa taxa de conversão vai levar em consideração a quantidade de vendas ou de acessos.

Com o resultado da taxa de conversão você pode traçar novas metas e, talvez, mudar a estratégia. Essa taxa serve também para comparar com os resultados do ramo trabalhado. A comparação é importante para redefinição e otimização de alguns processos.

Como expandir a taxa de conversão através da usabilidade e de outros fatores?

Essa expansão da taxa é muito importante para a saúde do seu negócio. Continuar a captar cada vez mais clientes é importante para o crescimento do negócio, assim como é importante para a fidelização dos clientes.

Quanto mais clientes você tem, mais importante é o papel deles, portanto, maior o cuidado você deve ter com eles. Isso reflete a importância de se captar mais clientes para torná-los fiéis, e assim crescer exponencialmente o impacto do seu negócio.

Existem diversos fatores que podem influenciar no aumento da taxa, assim como podem diminuir essa taxa de conversão. Pensando nisso, trouxemos para vocês algumas dessas estratégias e como o uso certo e errado delas pode impactar nos números do seu negócio.

Segmentação no envio dos e-mails

Essa segmentação é uma estratégia muito interessante para aumentar a taxa de conversão do seu negócio. Pense o seguinte: cada propaganda e divulgação precisa de ter um público-alvo definido, logo, seu e-mail marketing também precisa disso.

Tal estratégia pode dar errado ao escolher a propaganda para o público errado, não faz tanto sentido criar uma lista de e-mails com clientes jovens para anunciar um serviço de dentaduras e pastas de fixação para essas próteses.

O acerto dessa segmentação causa uma sensação de exclusividade no cliente. É como se apenas ele estivesse recebendo aquele e-mail, e isso estaria acontecendo na hora certa. Uma boa segmentação desses e-mails é uma estratégia e também um fator para a expansão da taxa de conversão e também dos lucros.

Call-to-action (CTA)

call-to-action

As propagandas geralmente têm como objetivo levar o público-alvo a consumir algo. Esse consumo geralmente se dá através de um CTA, a chamada para a ação é o convite dos clientes para clicar em algum botão ou link.

Cuidar desses landing pages é importante, pois, se você investe no e-mail marketing e mandam 100 mil e-mails, é importante que o link que você deseja que os clientes acessem esteja funcionando. Esse erro pode ser muito prejudicial para os seus resultados.

Além de cuidar dessa parte, é preciso ter atenção em qual é o CTA escolhido. Ser direto e levar um cliente para um produto ou encaminhá-lo para a loja? Essa é uma pergunta que a equipe de marketing precisará responder e controlar.

Controlar esses acessos, esses cliques, é importante para estar atento ao bom desempenho ou mal desempenho de determinados CTA’s. Assim, poderá rever as estratégias e refazer os projetos.

Oferta e Promoção

oferta-e-promocao

Saiba valorizar o seu produto ou serviço e saiba dar destaque para os seus valores. É muito importante ter acessos, mas é mais importante ainda convertes esses acessos em compras e clientes.

Desse modo, é imprescindível destacar o preço e ver se ele está adequado para aquela lista de e-mails. Um só negócio pode ser acessível a diversos públicos, e isso é importante na hora de criar o e-mail marketing.

Caso contrário, o consumidor se sentirá descolado e não criará a sensação de identificação com a marca. Imagine tentar vender um produto supérfluo de valor alto para universitários, que em sua maioria estagiam.

Destacando o valor do seu produto você cria uma ação chamativa para o cliente, ele se sentirá mais atraído a comprar o produto, visto que já tem uma informação primordial: o preço.

Usabilidade

Por fim, a usabilidade do CTA é um importante fator impactante na taxa de conversão. Como dito anteriormente, a usabilidade fala sobre a funcionalidade de alguma coisa.

Quando estamos pensando em usabilidade do CTA estamos falando sobre a praticidade, facilidade e funcionamento de um link, seja ele para um site, para uma loja e também para um produto.

Se o seu landing page não tem essas características o cliente provavelmente não vai insistir em acessar o seu link. E isso acarreta a diminuição das suas vendas e também na diminuição da captação de clientes.

A usabilidade de um CTA é de extrema importância para a eficácia do seu e-mail marketing, assim como para a eficácia da sua estratégia de venda e marketing.

É importante analisar a usabilidade com listas de teste. Ou seja, treinar entre a equipe e os aparelhos celulares, e computadores como se dá o acesso ao landing page. Dessa maneira, você evita repassar o CTA com defeito para o público-alvo da sua chamada para a ação.

Isso é cuidar do que está sendo enviado ao seu cliente, esse cuidado pode retornar com números melhores para o seu negócio. Afinal, a relação de venda envolve seres humanos, e ser bem tratado e respeito é imprescindível.

Sabendo desses fatores, podemos pensar como pode ser importante investir em marketing digital.

Marketing digital: o presente e o futuro

marketing-digital

Conforme dito no início do artigo: marketing digital tem se tornado o principal meio de captação e de comercialização. Ele deixou de ser algo restrito e passou a ser universal. Ignorá-lo é prejudicial para o seu negócio, podendo levá-lo a falência ou a obsolescência.

Entender as novidades do mercado e trazê-las para o seu negócio é o que caracteriza um bom empreendedor, que se atualiza e busca o melhor para o seu negócio. Sabemos que nem todos somos especialistas em tecnologia, e nem em marketing, por isso, ter uma equipe de venda e marketing e instruí-la sobre esse novo nicho é necessário.

Dentre os pontos positivos que tornam importante a adequação ao marketing digital está a presença e intimidade nas redes sociais. As pessoas estão cada vez mais conectadas, e conectar o seu negócio com essas pessoas é o jeito de criar uma sensação de proximidade entre os dois.

Além da presença e conexão, existe a exatidão do anúncio. É muito provável que as pessoas se deparem com uma marca na rede social e lembre que está precisando de determinado produto. Ou seja, a presença daquele anúncio em todos os lugares é importante, pois, pode ser para alguns clientes: o anúncio certo na hora certa. E também tem a questão de se conectar com o público-alvo específico, como se a segmentação das listas de e-mail marketing fossem extremamente corretas.

O marketing digital também atualiza as propagandas, se antes o nicho se dedicava aos anúncios com frases chamativas, hoje pode investir em animações, vídeos, jogos para celular e também utilizar da imagem das celebridades e influenciadores digitais.

Essa atualização de meios é relevante também para alcançar outros públicos, talvez com uma imagem em um outdoor você não conseguisse chamar tanta atenção quanto com uma animação divertida em vídeo divulgada na rede social do empreendimento. Essa adequação é importante também para considerar as atualizações na vida das pessoas, interagir com elas e perceber quais são suas afinidades, e usar dessas afinidades, como memes, para aproximar o cliente do empreendimento.

Para que esse processo de expansão do seu negócio é preciso contar com empresas experientes e especializadas. A assessoria especializada é um modo de acertar no investimento e conseguir o retorno esperado. Por exemplo, no ramo do e-mail marketing a Nitronews trabalha há 14 anos com ferramenta própria, isso traz para os clientes uma segurança e retorno maior.

Post anterior
Como usar o email marketing para gerar conversas com seus clientes

Aprenda sobre marketing digital!

Fique por dentro das novidades em nosso blog e obtenha o máximo de suas ações de marketing digital.

Email cadastrado com sucesso!